12 Semanas para mudar uma vida

12 SEMANAS PARA MUDAR UMA VIDA – SEMANA 1

domingo, outubro 07, 2018




 Oi gente!
Lembram que falei que poderia falhar no Projeto 12 semanas?
Pois é... falhei. Já no início.
Mas não desisti! Apenas fui adiando... acontece nas melhores famílias.
Então, com atraso de um mês, agora pretendo, de fato, dar início, bem como continuar.
Recapitulando, lerei e “seguirei” o livro do autor Augusto Cury “12 semanas para mudar uma vida”, conforme disse aqui neste post.
A partir de hoje, então, a cada semana virei com o post da semana, relatando sobre a leitura, o que fiz, efetivamente, para esta mudança, como me sinto, etc. De maneira bem livre, sem um formato muito bem definido, para manter a naturalidade e espontaneidade do processo, mesmo.
Não vai se tratar de spoiler do livro, embora o livro seja, realmente, para ser compartilhado e multiplicado, como desejo do próprio autor.
Bem, hoje vamos falar do primeiro capítulo:

“SER AUTOR DA SUA HISTÓRIA: O RESGATE DA LIDERANÇA DO “EU””

É exatamente o que o título do capítulo diz: sobre você retomar as rédeas da sua vida. Dar i primeiro passo para sua mudança.
O autor traz a importância de sermos autor da nossa própria história, não deixarmos as coisas simplesmente acontecerem.
Tomarmos nossas decisões, escolhermos as melhores opções para nós mesmos. Construirmos nossas metas, os caminhos para alcançá-las e atingi-las.
Reconhecer nossos limites e trabalhar encima deles, buscar aperfeiçoamento. Não nos enganarmos, nem ao próximo, sobretudo sobre nossas fraquezas psíquicas. Liderar nossas emoções. Sermos líder de nós mesmos.

“Para ser autor da própria história, é necessário primeiramente enxergar a grandeza da vida e nunca se diminuir, se inferiorizar ou ter pena de si mesmo.” Augusto Cury

Nada mais preciso para começar o projeto. E sem isso, não poderia se dar início mesmo.
É preciso decidir começar, retomar (ou tomar) a própria vida. Voltar a ter atitude. Repensar planos... planejar... agir. Definir onde se quer chegar, quais são os caminhos válidos para se chegar lá e, dar o primeiro passo.
Como todos os outros capítulos, neste, houveram algumas atividades e indagações que nos levam a refletir sobre o tema. Estou usando um caderno feito por mim mesma, para escrever e registrar tudo.
Gosto de escrever (já perceberam?). Acho que meus pensamentos fluem melhor e mais organizadamente, e ainda sinto a liberdade de poder reler, reorganizar, bem como usar posteriormente para refletir ainda mais ou para comparar e analisar progresso ou não. Então, acredito que o caderno me ajude muito e continuarei com ele.
Além disso a minha própria análise da qualidade de vida, que se pede no início do livro está neste caderno. Justamente para posterior análise do quanto eu progredi ao longo das semanas....

Para por em prática:

"Treine aprender a pensar antes de agir. Treine usar a ferramenta do silêncio nos focos de tensão."

"Todo ser humano, quando constrói um pensamento, é um grande artista, ainda que viva no anonimato Jamais se sinta inferior às pessoas." 

Sobre o Projeto Fênix... 
Essa semana quase nada foi feito em relação a ele. Estive bem ocupada essa semana, e me ative apenas aos cuidados diários.... 
Na verdade, cuidei de uma consulta médica, sim. E tive algumas considerações dela a meu respeito. 
Nada demais, além disso.


You Might Also Like

0 comentários

Deixe seu comentário aqui!

Seguidores

Google+ Followers